sábado, 15 de novembro de 2014

Plantas que curam

A ciência já reconheceu o poder curativo e preventivo de muitas espécies, e novas pesquisas não param! Conheça dez plantas que tratam emergências do dia a dia.



Conheça abaixo os benefícios para a saúde de várias plantas e alimentos que podem ser plantados na horta da sua casa:


ALCACHOFRA - AJUDA A EMAGRECER

O coração e as folhas da alcachofra podem ser utilizados em chás, tinturas ou comprimidos. A planta auxilia na quebra de gordura e favorece a perda de peso. "Ainda melhora o trânsito intestinal e estimula o fígado, o que promove a desintoxicação do organismo", diz o fitoterapeuta André Resende (SP). Não deve ser usada por gestantes.


Contra obesidade: bata no liquidificador 1 colher (sobrem.) de extrato de alcachofra em pó, 1 colher (sobrem.) de farinha de fibra verde, 2 folhas de hortelã e 200 ml de suco de abacaxi. Beba 1 copo 20 minutos antes do almoço e do jantar.


GUACO - EXPECTORANTE

A planta quebra o muco e facilita a expectoração. "Também é anti-inflamatória e antibactericida: combate males nos pulmões, na garganta e nas vias aéreas", destaca Vanderli Marchiori* (SP). Proibido para quem tem doenças crônicas do fígado, pressão alta ou toma anticoagulantes.


Contra catarro: ferva 250 ml de água com a mesma medida de açúcar cristal por oito minutos. Junte 2 xícaras (chá) de folhas de guaco e ferva por mais dois minutos. Aguarde 30 minutos, coe e adicione 1/2 copo de mel e 1/2 colher (café) de conhaque. Guarde num recipiente com tampa. Tome 4 colheres (sopa) por dia.


QUEBRA-PEDRA - EVITA CÁLCULO RENAL

Pesquisas comprovaram que o remédio natural atua sobre duas frentes para evitar as pedras nos rins: ele relaxa a musculatura lisa do ureter (o canal que liga o rim à bexiga), ajudando o cálculo a ser excretado mais facilmente; e combate a agregação dos componentes responsáveis pela formação das pedras, prevenindo reincidências. A planta não é recomendada para grávidas e lactantes.


Contra pedras nos rins: ferva 1 litro de água. Adicione 2 colheres (sopa) da planta seca. Tampe a panela e deixe a bebida descansar, com o fogo apagado, por cinco minutos. Coe e tome aos poucos, ao longo do dia.


HORTELÃ - DIGESTIVA

O mentol e a mentona presentes nas folhas de hortelã provocam frescor e agem como relaxante muscular. "A erva estimula a secreção de bile, tornando-se uma aliada de pacientes com cálculos na vesícula", afirma o fitoterapeuta Alex Botsaris (RJ). Pesquisadores da Universidade de Adelaide, na Austrália, confirmaram a capacidade anti-inflamatória da hortelã para reduzir os sintomas dolorosos da síndrome do intestino irritável. Crianças menores de 6 anos podem não reagir bem à erva.


Contra má digestão: adicione 1 colher (chá) rasa de hortelã em 200 ml de suco de abacaxi. Bata no liquidificador e beba.


MELISSA - ANTIDEPRESSIVA E ANALGÉSICA

Também conhecida como erva-cidreira, é calmante. "Os seus óleos essenciais têm uma discreta ação contra a depressão", garante Alex Botsaris. Esses mesmos óleos combatem resfriados. A melissa se destaca ainda por ser analgésica e antiespamódica. Evite se você apresentar hipersensibilidade à planta.


Contra enxaqueca e cólica: em 1 xícara (chá) coloque 1 colher (sobrem.) de folhas e ramos frescos. Adicione água fervente. Abafe, espere amornar e coe. Tome uma xícara de manhã e outra à noite.


ANGÉLICA - ALIVIA TPM

Ela age como fitoestrógeno, imitando o efeito do hormônio estrógeno nas células. Assim, combate os sintomas da tensão pré-menstrual e da menopausa. "Na TPM, a planta ajuda a excretar o excesso do hormônio. No climatério, supre a carência dele", explica Vanderli. A angélica deve ser evitada por pessoas com problemas no estômago, gestantes e lactantes.


Contra desconfortos hormonais: ferva 500 ml de água e adicione 2 colheres (sopa) de angélica seca. Abafe por dez minutos, coe e beba.


CENTELHA ASIÁTICA - ATIVA A MEMÓRIA E COMBATE A CELULITE

Com efeito vasodilatador, a centelha melhora a circulação sanguínea em várias partes do corpo. "Com mais sangue circulando, o cérebro funciona melhor e aumenta a capacidade da memória e do aprendizado. O estímulo sanguíneo também combate a celulite", diz Alex. Sofre de gastrite e úlcera? Não invista.


Contra celulite: faça uma infusão com 6 colheres (sopa) de folhas picadas em 1 litro de água fervente. Depois de morno, aplique compressas nas áreas afetadas com celulite.


PASSIFLORA - CALMANTE

O poder sedativo dessa espécie está nas folhas. "Os flavonoides presentes na composição agem no sistema nervoso central, promovendo uma desaceleração sutil da atividade cerebral", esclarece Alex Botsaris. Indicada para combater doenças como ansiedade, irritabilidade, insônia e até depressão leve. No entanto, é contraindicada para pessoas com pressão arterial baixa.


Contra tensão: numa xícara (chá), coloque 1 colher (sopa) de folhas de passiflora bem picadas e adicione água fervente. Abafe por dez minutos e coe. Beba duas xícaras por dia.


URTIGA - DIURÉTICA

É excelente para tratar a síndrome da bexiga irritável. "Além disso, possui ativos que previnem o crescimento desordenado de células na próstata, que pode levar ao câncer", destaca Alex. Macerações feitas com gaze e aplicadas sobre ferimentos, aceleram a cicatrização e combatem a dor. Gestantes não devem utilizar.


Contra retenção de líquidos: coloque 1 colher (sopa) das folhas secas em 1 litro de água. Leve ao fogo e deixe cozinhar por quatro minutos após levantar fervura. Desligue a chama, tampe a bebida e mantenha abafada por dez minutos. Tome ao longo do dia.


AMORA - CONTROLA A PRESSÃO

Graças à alta concentração de flavonoides, as folhas combatem os sintomas que antecedem o ciclo menstrual e os da menopausa. Mais: "O efeito diurético ajuda a controlar a pressão arterial, evitando os picos. Aliada a uma dieta balanceada, a amora também é capaz de prevenir o diabetes, já que equilibra a glicemia", ressalta André Resende. Não é recomendado fazer uso contínuo da planta.


Contra hipertensão: ferva 1 litro de água e retire do fogo. Acrescente 1 colher (sopa) de folhas de amora (secas ou frescas) e espere descansar por cinco minutos. Coe e beba apenas três xícaras por dia.

Um comentário:

  1. Seria bom para mim se não fosse um significativo detalhe: sou cardiopata e fui operado do coração para colocar uma valva mecânica!

    ResponderExcluir